30 de nov de 2009

O SENHOR DOS PANETTONES

***

A sequência de imagens abaixo mostra três elementos que, depois de acertarem a maracutaia da corrupção para o governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda, do DEM, se confraternizam felizes pela bufunfa levantada.
Rezaram a Deus em agradecimento.
Disseram : "O senhor é nossa justiça; O senhor é aquele que abre as portas".

As portas abertas foram reveladas e o governador do DEM deverá ser cassado.

O sujeito de camisa escura é RUBENS CÉSAR BRUNELLI (PSC); o de camisa branca é LEONARDO PRUDENTE (DEM) e o meliante de vermelho, DURVAL BARBOSA, secretário de governo de Arruda no Distrito Federal.
A cara de pau de Arruda foi dizer que a grana roubada do contribuinte foi para comprar panettones ...


***

A INFLUÊNCIA

***
O site Foreign Policy divulgou nesta segunda-feira seu special report com a lista dos nomes mais influentes do ano 2009.

Clique no logo FP para ir ao site (em inglês)




.

.

O lider mundial, fora dos Estados Unidos, é o presidente chinês Hu Jintao, escolhido com uma larga margem de vantagem sobre os demais. Em seguida, figura o premiê russo Vladimir Putin e, colado nele, Luis Inácio Lula da Silva, Presidente do Brasil.

A ilustração abaixo é do FP e mostra os outros nomes citados pelos observadores.


100 personalidades do mundo inteiro participaram da escolha dos nomes dos mais influentes, inclusive o ex presidente FHC.
O site aponta, ainda, que 71% disseram que a China será a próxima potência mundial.
Alguns engraçadinhos escolheram nomes de pessoas influentes dos mais bizarros, como Franklin D. Roosevelt, Martin Luther King e Jesus Cristo!
Mas a notável posição de Lula neste cenário é algo que coloca nosso país numa posição de liderança internacional, e não apenas latinoamericana, o que seria razoável.
***

26 de nov de 2009

A má-fé de Sardenberg

***
O jornalismo marrom se supera a cada dia.
A imprensa mais comprometida do planeta não se conforma em, apenas, mentir com palavras.
Usa também o expediente da imagem mentirosa.
Veja gráfico abaixo:

Carlos Alberto Sardenberg apresentou no Jornal da Globo, de 29/06/2009, matéria comentando a queda do superávit primário do governo Lula. Usou o gráfico acima para ilustrar suas mentiras.
Repare que a editoria de arte da Globo "montou" uma escala de 12 meses, de maio/08 a maio/09, com os respectivos percentuais de superávit em relação ao PIB brasileiro.
O que eles pretendiam demonstrar era que, em plena turbulência da crise financeira internacional, o governo perdia controle das contas públicas. Pinçaram o período que mais interessava, e exibiram a farsa com uma incrível cara de pau, peculiar dos mentirosos.
O gráfico começa com 2,7% e atinge o auge de superávit em out/08, início da crise. Começa o declinio até o patamar de 1,3%.

A má-fé está no tamanho das colunas.

Note que a coluna do 1,3% é, no mínimo, 3 vezes menor do que deveria ser, pois ela deveria representar, aproximadamente, a metade da coluna dos 2,7%.

A Globo desrespeitou a Lei das Proporções, usando uma artimanha visual para convencer o telespectador de que a queda foi brutal.

Uma mentira descarada jogada sem pudor a milhões de pessoas que, de modo subliminar, "acreditam" na farsa televisiva da Globo.

Sardenberg, você realmente acha que engana as pessoas?

Esse papel de otário é tudo o que restou a um homem de sua idade?

E a credibilidade de seu "jornalismo", foi parar no esgoto? Só pelo dinheiro?

***
***

24 de nov de 2009

O LOBBY PAULISTA

***
O PODER E A SOBERBA DA FIESP


O diário argentino Página 12 publicou matéria referindo-se a um suposto lobby paulista, liderado pelo todo-poderoso Paulo Skaf, presidente da FIESP (Federação das Indústrias de São Paulo), cujo objetivo seria retaliar as ações da Câmara bilateral de Comércio entre Brasil e Argentina, que abriram investigação de DUMPING contra uma empresa de Skaf.

Leia aqui matéria original em espanhol.

O DUMPING é a ação comercial de uma empresa que vende produtos abaixo do valor real de mercado com a intenção de "derrubar" concorrentes. É um procedimento relativamente comum no comércio internacional, reconhecem as autoridades envolvidas na análise destes processos.

Entretanto, no caso da empresa PARAMOUNT TEXTEIS, onde Paulo Skaf é diretor e acionista, a reação brasileira foi desproporcional, diz o Página 12.

Tudo começou quando foi aberto processo de investigação de DUMPING contra a empresa PARAMOUNT, em denúncia de sua concorrente Argentina, MAFISA. O Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, bem como seu correspondente portenho, Ministério de Producción y Comércio Exterior, julgaram procedente a ação da MAFISA e aplicaram o "direito antidumping definitivo", na forma de aliquotas que alcançaram até 121,45%. Isto significou uma derrota para Skaf.

Então, ainda segundo o diário, começou a retaliação.

Caminhões abarrotados de produtos perecíveis foram retidos na fronteira, impedidos de entrar no Brasil. Nunca fatos como este aconteceram de forma tão agressiva. "É incrivel a escalada que se viveu neste conflito ... a atitude do Brasil é completamente desmedida", disseram as autoridades do outro lado da fronteira.

Segundo dizem, Skaf não perdoou as autoridades argentinas por meterem-se com "o dele", e usou de sua influência para prejudicar o comércio bilateral. Ainda por cima, teria usado o conflito em benefício politico, "pegando" Lula. É sabido por todos que Paulo Skaf apóia o governador de seu estado, o Coroné Zé Serra, candidato a Presidência da República em 2010, da direita, na aliança com a ex-ARENA, ex-PFL e atual DEM.


A Presidenta argentina Cristina Fernandez Kirschner esteve no Brasil para tratar com Lula a este respeito. A preocupação foi grande, dos dois lados da fronteira.

Segundo especialistas, normalmente, numa ação de DUMPING como esta, as partes se reúnem e chegam a um acordo para inibir a denúncia, seja por retirada dos produtos da pauta de exportação, ou pela simples correção de preços. Mas com Skaf foi diferente. Parece que propositadamente foi criado um clima "antiargentina" que em nada contribui para o comércio destes dois parceiros.

"Irresponsabilidade? Quem sabe simplesmente poder e soberba", finaliza a matéria do Página 12.

***

Colaborou Ciego Moreno.

20 de nov de 2009

O filho do Brasil.

***
Não dá prá resistir.

Foi só lançarem o filme Lula, o filho do Brasil, que FHC foi logo revelando DOIS!

Deve ser inveja ….
***

19 de nov de 2009

CARTA AO PRESIDENTE LULA.

***
Presidente Luis Inácio;
Sou um cidadão comum que assiste os fatos politicos deste país, e, com eles, me assusto.
Estou me referindo ao episódio Cesare Battisti.
Acompanhei o julgamento do STF, mas não tenho conhecimento jurídico para decifrar o processo em sua íntegra. Sou comum, como a imensa maioria dos brasileiros.
Entretanto, uma coisa importante me chamou a atenção: o placar. 5X4, sendo que o quinto voto foi o do Presidente do STF. Se ele se abstivesse da votação, como deveria ter feito, o resultado seria o empate.

Então, fico pensando: a lei deve ser clara. Por mais que se possa interpretar um texto legal, e a interpretação é uma das características das leis modernas, o resultado da votação do Supremo demonstra incerteza, falta de claridade ou, ainda, margem a dúvidas.
Repito. Sou um cidadão comum que se arrisca a comentar um ato jurídico que foge do meu conhecimento. Mas tenho idade o bastante para criar meus juízos de valor; sou ético e capaz de discernir. Isso me dá a certeza de que algo está errado. O placar.
Leio em parte da imprensa hipócrita e comprometida, tanto a brasileira quanto a italiana, comentários a respeito de Battisti. Tratam-no de terrorista! Nós sabemos que os crimes que ele cometeu, se é que os cometeu, são de ordem politica. Até na Itália ele é considerado ativista politico mas, paradoxalmente, em pleno período de turbulência naquele país, foi condenado como criminoso comum.
Isso é mentiroso, indecente, calunioso (porque ofende os ideais de Battisti e de outros milhões de ativistas), baixo e, sobretudo, imoral! Não fosse, o placar teria sido 9X0 !
Senhor Presidente, milhões de brasileiros o admiram como chefe de Estado e como homem; como lider sindical e promotor de profundas mudanças na vida social do Brasil. Sei que suas responsabilidades vão além de extraditar ou não; que as consequências diplomáticas devem pesar num momento desses. Mas, por conhecer sua trajetória politica, sei que o senhor tomará a melhor decisão no caso Battisti.
Comecei esta carta falando dos sustos. Me assusta quando a politica se mistura ao Judiciário. É o que está acontecendo agora, no caso Battisti, quando Ministros do Supremo agem conforme suas preferências político-partidária diante de uma caso sério, que trata da vida de um homem que teria cometido um crime há mais de 30 anos atrás … então fico pensando em quantas vezes na história deste país já não disseram que o lider sindical Luis Inácio, operário-barbudo-comunista, era baderneiro, agitador, leninista, perigoso …
O placar, senhor Presidente. O placar mostra o quanto frágil foi a decisão do STF.
Agora, a justiça em suas mãos. O senhor é o único brasileiro que pode decidir o futuro do ativista Cesare Battisti. Devolvê-lo ao fascista Berlusconi – aquele das orgias que tentou aprovar uma lei que o inocenta de seus crimes – será como decretar a morte de Battisti. Não a morte física, pois esta ele já a arriscava durante os anos negros na Itália repressora. Mas a morte do ideal, do sonho.
Certamente o mesmo ideal, o mesmo sonho, que eu tinha quando jovem – e que ainda tenho – que é mais justiça social e menor controle das oligarquias conservadoras sobre o desenvolvimento de uma Nação. O sonho de liberdade, de igualdade perante a lei. Para todos.
Tenho certeza, Presidente Lula, que estes são seus sonhos também.
Para terminar, quero fazer um breve comentário a respeito do simbolo da Justiça.
Na Grécia antiga, a deusa Diké, filha de Zeus e Thémis, segurava numa das mãos uma balança (igualdade) e, na outra, uma espada (força). Ela foi considerada o simbolo da Justiça porque a força é um elemento inseparável da igualdade.
A balança sem a espada é a impotência do Direito.” (Rudolf Von Ihering)
Battisti pode ter cometido crimes ao usar a força. Condená-lo a perder seus sonhos, entretanto, é ainda mais cruel.
***

18 de nov de 2009

Mais um filho de FHC ?


Quem está dizendo é Cláudio Humberto, em sua coluna no Tribuna do Norte (Natal/RN). Clique na imagem acima para ir direto ao jornal.

A matéria informa que FHC teve mais um filho fora do casamento. Este teria 20 anos de idade, de nome Leonardo dos Santos Pereira, que trabalha num órgão público.

Teria nascido de uma relação do ainda Senador FHC com sua empregada, Maria Helena, “uma negra que impressionava pela formosura“, segundo Cláudio Humberto.

Dona Ruth deve estar se revirando no caixão, hora dessas …

17 de nov de 2009

PROIBIDO TRANSAR!

***

Certas coisas que acontecem, que parecem engraçadas, representam mais que uma simples piada. Demonstram a falta de capacidade de administração de uma cidade. Não uma cidade qualquer, mas a maior do Brasil.

No extremo sul do municipio de São Paulo, Leticia Moreira (Folha Imagem) flagrou uma placa colocada pela prefeitura com os dizeres:

É PROIBIDO TRANSAR SOBRE A LINHA FÉRREA.

PENA: RECLUSÃO DE 2 A 5 ANOS E MULTA.

Isso mesmo. Proibido fazer sexo sobre os trilhos do trem. Clique na imagem para ler a reportagem do UOL.
A Secretaria Municipal do Meio Ambiente e a Concessionária ALL, cujos logotipos estão na placa, dizem que foi uma ação de vândalos, que teriam subtraído letras da palavra "transar", que, originalmente, estaria escrito "transitar".
Não deixa de ser cômico. Porém, os órgão públicos paulistas, que tanto prezam por sua eficiência e capacidade administrativa, deixaram de notar a placa adulterada.
Talvez, e muito provavelmente, os administradores estejam muito ocupados em preparar os aumentos de IPTU e a criação de novas praças de pedágio, e se deixaram flagrar por uma fotógrafa.

***

16 de nov de 2009

COINCIDÊNCIAS.

***
Este blog fez uma análise rápida à respeito de dois personagens públicos e descobriu algumas coincidências.
Renan Calheiros e Fernando Henrique Cardoso.

Ambos, enquanto Senadores da República, mantiveram pelo menos um romance extra conjugal.

De uma destas "aventuras" amorosas, nasceu pelo menos uma criança de cada um deles.

As amantes dos Senadores eram jornalistas.
Os dois trataram de esconder o filho bastardo com medo das consequências politicas.

Renan e Fernando providenciaram o sustento de seus rebentos, mas nunca disseram de onde vinha o dinheiro para tal finalidade.

Sabe-se que as despesas para manutenção das crianças foi bastante elevada. Bons colégios, fartura e comodidade às mamães, e um cala-boca aos que sabiam das "puladas de cerca".

Há, entretanto, uma diferença básica entre estes dois personagens.

Um, Renan, foi execrado pela midia como se fosse um traidor da pátria. Cogitou-se, à época, a cassação do mandato do Senador por não ter como provar a origem da pensão paga à mãe de seu filho extra-conjugal.

O outro, Fernando, recebeu tratamento diferenciado da imprensa. Chegaram a escrever que FHC não pôde conter seus "impulsos biológicos".

Hã? Impulsos biológicos?

Ah, tá ... agora entendi!

***

O SANDÁLIAS DO PIRATA deixa claro que não tem qualquer tipo de preconceito contra pessoas que possuem amantes, "aventuras" fora do casamento, ou filhos "ilegítimos". É um assunto pessoal de cada um, e ninguém tem nada a ver com isso.

O que este blog pretende é mostrar como se tratam dois iguais de forma diferente.

***

Ai, ai, ai, Caetano!

***
Esse menino não tinha que dizer aquilo!
Eu quero muito bem a Lula, foi uma ofensa sem necessidade!
Vota em Lula se quiser, não precisa ofender nem procurar confusão!
Essas frases são Dona Canô, aos 102 anos de idade, referindo-se ao filho mais famoso dos Velloso.


Ela vai tentar ligar para o Presidente Lula e se desculpar em nome do filho Caetano.

É como um puxão de orelhas no "menino".

Rodrigo Velloso, irmão de Caetano, fez um pedido de desculpas, sexta-feira, num evento na Praça da Purificação, em Santo Amaro, BA, em nome da família.

Caetano tem essa mania de falar as coisas sem pensar e aí diz coisas assim. Falou de maneira preconceituosa. Achei uma maluquice. Fiquei revoltado”, disse Rodrigo ao A Tarde OnLine.

Diante da posição e do gesto da matriarca dos Velloso, de idade avançada mas muito lúcida, este blog não tem mais nada a comentar sobre Caetano Velloso. Apenas a parabenizar esta notável brasileira por sua trajetória e coragem.

***

11 de nov de 2009

O Maestro e o menino mimado

***
QUANTO VAI CUSTAR A PUXADA DE TAPETE

O Maestro chama-se John Neschling.

O menino mimado é o Coroné que se acha dono de São Paulo, Zé Serra.

A puxada de tapete vai custar 4,3 milhões de Reais, conforme sentença da Justiça Trabalhista.
Tudo começou em 1996, quando John Neschling foi contratado pela Fundação OSESP (Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo) para dirigir e reger a orquestra.
De temperamento genioso e truculento – segundo más linguas -, o Maestro cumpriu suas tarefas de maneiras exemplar, reeguendo o grupo de músicos e levando a orquestra a uma posição de destaque no circuito da música clássica internacional. Além de exibições semanais na Sala São Paulo, a OSESP foi considerada pela revista britânica Gramophone como uma das três orquestras que devemos prestar atenção. . .

Permaneceu 12 anos no cargo de Diretor Artístico e envolveu-se em inúmeras polêmicas, sempre por causa de suas declarações objetivas, até encontrar um menino mimado. Foi demitido por e-mail pelo presidente do Conselho de Administração da OSESP, Fernando Henrique Cardoso. O próprio. O descarado ex-presidente da República.
A gota d’água para a demissão foi um video do youtube onde o Maestro chama o governador de São Paulo de “menino mimado e autoritário”. O Coroné não gostou e mandou FHC, o próprio, demitir o Maestro de forma sumária, deselegante e, sobretudo, autoritária.
O Maestro ingressou com ação no Ministério do Trabalho que reconheceu o vínculo de funcionário do Maestro junto a OSESP, apesar do contrato existente entre as partes. A Secretaria de Cultura vai recorrer da decisão.
O Maestro John Neschling cunhou uma frase que simboliza perfeitamente a incompetência do governo paulista:
"Durante anos, me deixaram fazer meu trabalho e eu honrei a confiança. Agora assume um governo que acha que pode fazer melhor, apesar de não ter idéia do que seja uma sinfônica."
Só puxa o tapete de um profissional desta categoria quem não vai pagar pela despesa. Do bolso do Coroné-Mimado Zé Serra não sai um tostão furado. Quem vai desembolsar o valor da condenação será o povo de São Paulo.
Boa sorte!
***

10 de nov de 2009

OS UNIVERSOTÁRIOS.

***
Sobre o caso de Geisy, expulsa da Uniban por usar uma minissaia e "provocar" os rapazes, vou copiar o texto de José Simão. Li tantos comentários a respeito, mas nenhum como este:
"Esse foi o grande babado da semana: "Uniban expulsa estudante de minissaia". Aquela loira da minissaia que quase foi apedrejada, estripada e espancada pelos universitários. Os UNIVERSOTÁRIOS!
E diz que a Uniban está em penúltimo lugar no ranking de universidades. Mentira! Estão DEFAMANDO e DEGRENINDO a universidade. Rarará! E o modelito não é atentado ao pudor coisa nenhuma. É atentado ao bom gosto! Essa universidade tem moral de jegue!"
Perfeito!
***

Tá dominado!

***
A ministra Dilma Rousseff, potencial candidata à sucessão de Lula, voltou a reclamar da "partidarização" da midia no Brasil.
Com razão.
A repercussão da descarada entrevista de FHC ao Estadão e da desastrada fala de Caetano Veloso mostram claramente os interesses - e compromissos - dos donos de veículos de comunicação.
"Excesso de vaidade" e "falta de rumo" foi como ela classificou a oposição. Poderia ter dito muito mais.
Hoje um sujeito, que se diz jornalista, escreveu na Folha de SP que o governo Lula aparelhou o Estado, as estatais e os Fundos de Pensão. Admite que a midia é partidarizada, mas não tem coragem de assumir qual partido seus patrões apoiam.
O fato é que o governo do PT está fazendo o país andar para a frente, mas parte da imprensa esconde a verdade. Criticam a viagem de Dilma pelo nordeste quando da vistoria das obras do São Francisco, mas não mencionam o fato de o governador de São Paulo aparecer na TV, em horário nobre, exaltando as melhorias que "ele" mandou fazer no estado que governa. E o Presidente do STF não abre a boca quando se trata do Coroné Zé Serra!
Então é assim: o governo dominou a máquina pública, aparelhando os órgãos do Estado com militantes do PT; patrulha singelos intelectuais como FHC e Caetano e patrocina centenas de blogs para falar bem de Lula.
Delirio puro!
O que está dominado é o pensamento neoconservador da direita aliada à midia comprometida e golpista. Dominado por gente incapaz de dizer quais são seus verdadeiros interesses. A canalhice de setores da direita e de boa parte da imprensa é tanta, que querem nos fazer acreditar nas mentiras plantadas por seus âncoras imbecis, com cara e jeito de imbecis.
Seria muito mais honesto eles dizerem que preferem a volta do tucanato ao poder.
Simples assim.
Se eles soubessem o que é honestidade.
***
Para deixar claro (outra vez): este blog é totalmente independente, não recebe dinheiro ou ajuda de quem que seja.

4 de nov de 2009

BNDES Limited.

***
O Presidente Luis Inácio está em Londres, onde inaugura uma subsidiária do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) em um dos maiores centros financeiros do mundo ocidental.
A idéia de uma filial na capital do Reino Unido é agilizar negócios para empresas brasileiras e estrangeiras, financiando aqueles que produzem. O banco estatal é o maior financiador público das Américas, e expandir seus domínios significa crescer e fazer crescer o Brasil.
A seguir, Lula visita a Rainha Elizabeth II e o Primeiro Ministro britânico, Gordon Brown.
Depois, segue para receber o título de "Estadista do Ano" concedido por um dos mais renomados organismos mundiais que analisam questões internacionais, a CHATAM HOUSE.


O CHATAM HOUSE PRIZE é concedido a lideranças politicas internacionais que se destacam durante o ano.
Lula, como menciona o site da entidade (clique na imagem para ler o original em inglês), foi reconhecido por seu papel de liderança na solução de crises regionais, como no caso do auxílio, via ONU, ao Haiti; ainda, segundo o site, atuou decisivamente na elaboração do tratado da UNASUL e, também, por sua ação para que Cuba fosse aceita como integrante do Grupo do Rio.
Literalmente, a organização diz que " Presidente Lula é responsável pela grande contribuição na redução da pobreza no Brasil, através de politicas econômicas que mantiveram o equilíbrio fiscal que impediu o crescimento da inflação (...)".
A influência politica de nosso Presidente-Operário está alcançando o mundo inteiro.
Ser reconhecido como o estadista do ano deve causar inveja a muita gente ... inclusive no cidadão mencionado na postagem anterior, logo abaixo.
Este blogueiro sente-se orgulhoso do Brasil de hoje, do rumo que estamos seguindo e da próxima Presidenta da República, Sra. Dilma Rousseff, que seguirá buscando as soluções para este país.
***

3 de nov de 2009

STOP, canalhas!

***

Para onde vamos?
É a pergunta que o "chefe" faz em artigo publicado no Estadão.
Então vem a pérola: É mais do que tempo de dar um basta ao continuísmo antes que seja tarde.
Tarde para quê, cara pálida?
FHC pensa que vive onde, na França?
O infeliz mora no estado de São Paulo, governado por bem-te-vis há décadas, e parece que ele não se refere ao estado onde vive.
Pretende, o descarado ex-presidente, que o governo federal volte a ter um dos "seus" comparsas na cadeira de Chefe de Estado.


Esse cidadão não tem senso de ridículo; está completamente desmoralizado perante a opinião pública brasileira, e só tem espaço em jornais comprometidos até o pescoço com as falcatruas de seus 8 anos de governo.

Fernandinho Henrique Cardoso não sobe em palanque de seus candidatos!

Não aparece em programa político para assumir suas preferências eleitorais!

FHC é um político morto e próximo do sepultamento.

Não tem cacife político para falar de ninguém!

O máximo que alcança é escrever um artigo ilustrado com uma imagem preconceituosa, usando um símbolo inglês e uma mão com 4 dedos.

A mão que já derrotou seu partido 4 vezes. A mão do presidente sem instrução que deu um banho de governo neste canalha!

***

FORMULA 1 - 2009

***
Mais um campeonato chega ao fim.

Desta vez, uma escuderia estreante levou o título de construtores e fez o Campeão Mundial.


O britânico Jenson Alexander Lyons Button, de 29 anos, que pilotou um F1 pela primeira vez no ano 2000, já no ano de estréia teve bons resultados pela equipe Williams.

Clique na foto ao lado para ir ao site do piloto.

Nesta temporada demonstrou toda sua capacidade dentro do cockpit do melhor carro da temporada. Na primeira metade do campeonato, foi absolutamente perfeito.
Ganhou 6 das 7 primeiras corridas e, apesar de alguns maus resultados no resto da temporada, soube administrar a vantagem e alcançar o título. Com méritos de Campeão Mundial.
Tudo isso graças a um dos nomes mais importantes da categoria: Ross Brawn.
Homem de poucas palavras, que não aparece com frequência na midia. O também britânico Ross Brawn montou sua equipe às pressas, ocupando a vaga da Honda, que abandonou a competição no inicio do ano diante da crise econômica mundial.

Devem estar arrependidos.

A Brawn GP foi consistente durante todo o ano, com poucas quebras e com estratégias que diferenciam Brawn de seus concorrentes, sem contar com o engenheiro Nick Fry (na foto ao lado de Ross Brawn), outro craque.

Clique na foto para ir ao site da Brawn GP.

Quanto ao segundo piloto da escuderia, Rubens Barrichello, era de se esperar a teceira colocação no campeonato (atrás do alemão Sebastian Vettel, da RBR). Piloto médio, sabia ter poucas chances ao correr ao lado de Button.

Talvez apenas os menos informados tivessem esperanças que Rubens pudesse ser campeão. Os menos informados e o pessoal da Rede Globo, que nunca escondeu torcer pelo brasileiro.

Por falar em Globo, está cada vez mais difícil assistir as corridas com a narração de Galvão Bueno. O homem está insuportável, dizendo besteiras o tempo todo e, pior, tentando traduzir do inglês as conversas das equipes com os pilotos. Haja saco!

A temporada 2010 promete ser bastante interessante. Algumas mudanças no regulamento podem tornar as corridas mais competitivas. E o novo todo-poderoso da F1 será Jean Todd, que conhece tudo de Formula 1.


***