26 de mar de 2010

O SALTO ALTO.

***
O jogo politico-eleitoral parece estar invertido, este ano, no Brasil.

Lembro do tempo em que as esquerdas sonhavam em alcançar o poder pela via eleitoral; éramos instigados a começar a campanha com bastante antecedência, fazendo bastante barulho. Buscávamos o convencimento de colegas o tempo todo, na esperança da vitória.

O sonho tornou-se realidade, felizmente, em 2002 com a eleição de Luis Inácio. E se consolidou em 2006, com sua reeleição.

Agora estamos diante de um quadro nunca antes visto: este ano teremos a primeira eleição presidencial democrática, depois da ditadura militar, sem o candidato Lula na cédula.

A novidade maior, entretanto, é a oposição demo-tucana.

Seu candidato, o Coroné Zé Serra, é candidato sem sê-lo; ou melhor, é, mas não assume. De cima do muro, dá a impressão de que ele é governo, ou o candidato preferido da situação, tamanha é sua falta de compromisso politico.

A inversão dos papéis - situação com candidato definido e oposição indecisa - demonstra a fragilidade da direita brasileira, enquanto a esquerda tem nome muito bem trabalhado para o pleito de outubro: Dilma Rousseff.

Qualquer petista sabe da dificuldade de acordo dentro do partido quando do lançamento de um nome para cargo majoritário. Muitas brigas e debates eram necessários. Desta vez, aparentemente, sob liderança do Presidente Lula, houve consenso.

O candidato da oposição, embora não assuma oficialmente, é o candidato da oposição há muito tempo. Preferido da midia corporativa e de alguns grandes empresários - apesar de muitos estarem com Dilma - parece confortável vestindo salto alto. Ou seja, mesmo diante das pesquisas que apontam o crescimento consistente de Dilma, o Coroné Serra prefere jogar como se já tivesse ganho.

Falta, ainda, muito tempo para as eleições e nenhum candidato ganhou coisa alguma.
Campanha politica se faz com muito trabalho duro, o que parece não ser o forte da direita.

Será que a oposição subestima Dilma Rousseff a ponto de ignorar sua posição nas pesquisas?
Ou acreditam que apenas os esforços da midia lhes devolverá o poder; sem sacrificio, sem esforço, sem propostas.

Ano passado, em plena crise mundial, criticaram as medidas adotadas pela equipe econômica do PT no combate à recessão. Mais tarde, as criticas mostraram-se infundadas, visto que o país atravessou os piores momentos sem grandes abalos.

Este ano a expectativa é de forte crescimento. Já há quem diga que não encontra mão de obra disponivel em alguns setores, o que faz com que os salários melhorem naturalmente. Isso é tudo o que pode querer um candidato à vaga de Presidente da República.

Por mais que PSDB e PFL pensem que Dilma é um "cone" de Lula, a conjuntura está do lado dela.

À oposição conviria descer do salto!

***

25 de mar de 2010

O Coroné em ação. De novo!

***
Manifestação de professores em greve há 18 dias foi reprimida duramente pela polícia do Coroné Zé Serra.

A poucos dias de renunciar ao cargo de governador, para concorrer à vaga de Presidente da República, o Coroné mostra, novamente, sua "força administrativa" .

Clique aqui para ler postagem recente (Cassetete no povão) sobre a policia de São Paulo.

Ontem, o Coroné foi a Franco da Rocha (SP) inaugurar mais uma obra. Aparentemente, desta vez não era uma maquete. Eram novas instalações de um centro de atenção à saúde mental.

Ao subir no palanque, recebeu dos cerca de 30 manifestantes presentes um apitaço; faixas e cartazes foram exibidos em protesto ao Coroné.

Então a PM entrou em ação, argumentando que não admitiria barulho próximo a um Hospital. Um contingente de mais de 20 policiais, alguns até com escudos, começou a reprimir as pessoas, querendo fazê-los calar.

Usaram violência desproporcional, como se pode ver pelas imagens publicadas na Folha. Com gás de pimenta e cassetetes (de novo!!) detiveram 4 manifestantes, todos professores, e os algemaram como criminosos.

O Coroné viu, sentado, a confusão toda, mas não quis se pronunciar. Em manifestação anterior, Serra disse que esses protestos são "trololó"; um de seus assessores disse que aquilo era luta politica, mas que deveriam impor limites.

A APEOESP - Sindicato dos Professores de SP -, organizadora da manifestação, acusa o governo do Coroné de autoritarismo; afirma que o governo não abre canais de negociação com o movimento grevista, e considera lamentável a atitude repressora da polícia do estado de São Paulo.

Este blog ouviu alguns grevistas, e uma das respostas mais emblemáticas desta crise foi dita por uma professora, que prefere não se identificar, por óbvias razões. Ela disse:

"Tudo sobe: passagem de ônibus, gasolina, cesta básica, aluguel ...mas nosso salário está desfado há 12 anos (...)"

Policia nela?

***

24 de mar de 2010

OS TABLÓIDES BRASILEIROS E A PADARIA.

***
"O Cara" parou o carro numa padaria, em Ibiuna, SP, e foi comprar pães.
O sujeito do caixa lhe diz "nossa ....você parece o Lula ...a voz do Lula"
Um cidadão que ouvia a conversa, atrás deles, diz: "mas não é o Lula; eu conheço o Lula ... o Lula é mais alto, é mais moreno ..."
"O Cara" foi obrigado a mostrar sua carteira de identidade para provar que era o Lula!

Assim se comportam determinados jornalistas no Brasil. Sabem o que está acontecendo no país, mas preferem outra versão. Suas "verdades" são inventadas nas mesas dos redatores-chefes de grande parte da midia brasileira. As intenções, sabe-se lá quais são. Ou melhor, sabe-se!

Como disse "O Cara", mesmo que não queiram saber a verdade através de seus próprios olhos, deveriam conhecê-la pelas pesquisas!

Dá pena ler certos jornais ou ouvir alguns canais de TV aberta e fechada. Ver senhores e senhoras, de alguma idade, prestando-se ao papel de mentirosos a troco do salário que lhes pagam.'

O link abaixo é d'"O Cara" contando o que este blog reproduziu acima. Imperdível.

***

23 de mar de 2010

O ELEITOR CONFORTÁVEL.

***
Reunião da ABEP - Associação Brasileira de Empresas de Pesquisa - para discutir o pleito presidencial deste ano, trouxe conclusões bastante interessantes.
Diferentemente de tudo o que a midia publica, as pistas oferecidas pelos representantes de institutos levam a crer que a curva ascendente da Ministra Dilma Rousseff a levará ao cargo de Presidente da República, em outubro próximo.
Mauro Paulino, do Datafolha, disse a petista mostra "um alto potencial de crescimento".
Márcia Cavallari, do IBOPE, explicou que o "eleitor se sente muito confortável com o voto que deu a Lula".
Ricardo Guedes, do Sensus, disse que "Dilma tem produto para mostrar, a economia. Serra, não."
João Francisco Neto, do Vox Populi, prevê a vitória de Dilma ainda no primeiro turno.
Clique na imagem abaixo para ir ao site Brasilia Confidencial, de onde foi tirada a reprodução


Também participou do evento o professor Marcus Figueiredo, da IUPERJ - Instituto Universitário de Pesquisa do Rio de Janeiro - que afirmou que a vantagem de Dilma é o aval do Presidente Lula.
Enfim, disseram coisas coerentes com o atual quadro politico brasileiro.
De um lado, a Ministra Dilma Rousseff, candidata apoiada pelo Presidente de maior popularidade na história recente do Brasil, aparece diminuindo a vantagem para o primeiro colocado, o Coroné Zé Serra, que nem assumiu, ainda, sua condição de candidato.
Por outro lado, a união das forças reacionárias brasileiras, representadas pelos partidos PSDB, PFL e PPS, todos de direita, a midia corporativa manipulada pelos interesses dos velhos e decadentes oligarcas do sul e do sudeste.
Em meio a tudo, a população mais pobre vê a possibilidade de ascender socialmente e passar a integrar o círculo das pessoas que consomem. Estes, os eleitores, são os que terão o poder de decidir a quem darão o cargo máximo do executivo nacional.
Na postagem anterior, este blog apontou para a publicação de pesquisa IBOPE que mostraria a Ministra Dilma à frente do Coroné. Não foi isso o que saiu na imprensa; pelo contrário, disseram que a diferença se mantém em 5 pontos, à favor da direita.

Outra mentira!

Se a tendência apontasse para a estabilização das candidaturas, os representantes dos Institutos de Pesquisa não dariam como (quase) certa a vitória de Dilma.

Resta pouco para o inicio do horário eleitoral gratuito e o inicio oficial das campanhas politicas.

Resta pouco para darmos continuidade a este governo, que está colocando o Brasil no rumo do desenvolvimento econômico e social, gerando empregos e distribuindo renda.

Clique aqui para ir ao site do estadão onde foi veiculada a noticia da reunião da ABEP.

***

15 de mar de 2010

DO MEDO AO PÂNICO.

***
Pesquisa IBOPE de intenção de voto para Presidente da República, a ser publicada ainda esta semana, colocará DILMA ROUSSEFF à frente do Coroné-candidato Zé Serra.
Um ponto percentual, dentro da margem de erro.
A oposiçao, que já sabe do resultado da pesquisa, está apavorada. Desesperadamente buscando fatos que os coloquem de volta na corrida.
Não vai ser fácil.
***

10 de mar de 2010

PT VAI À JUSTIÇA CONTRA AS MENTIRAS

***
Em nota publicada ontem, 09/03, no site oficial o Partido dos Trabalhadores, o presidente da sigla, José Eduardo Dutra, afirma que acionará na justiça o jornal (?) O Estado de São Paulo, a revista (?) Veja e o promotor (?) José Carlos Blat pelas mentiras que estes andaram divulgando.
A nota diz que o PT vem acompanhando a escalada de ataques mentirosos, caluniosos e infundados por parte de alguns órgãos da imprensa e que, finalmente, decidiram chamar às falas na justiça.
Já não é sem tempo.
Alguns empresários da imprensa mais comprometida do planeta abusam do espaço midiático, através de jornalistas pequenos e vendidos, para fazer oposição ao governo do Partido dos Trabalhadores. Fossem, essa gente, sérios, teriam argumentos para desqualificar o governo.
Mas, não. Inventam, distorcem, criam e tentam difundir as mentiras nas páginas dos jornalecos impressos e televisivos.
Isso está perto do fim. A imensa maioria do povo brasileiro não acredita mais nas "verdades" dessa corja; criminosos covardes, se escondem atrás das máscaras da "liberdade de imprensa" para vomitar seus ódios e medos; abusam da boa-fé das pessoas visando, unicamente, a volta da hegemonia que detinham até pouco tempo.
A internet acabará com o que resta destes imorais jornalistas (?) e seus patrões descarados; o direito à informação está disponível a todos e, portanto, a "verdade" já não lhes pertence mais.
O aviso foi dado quando suas tiragens/audiências começaram a despencar; eles se agarram ao que resta, quase ao nivel do chão, misturados ao esgoto e aos ratos, ao gosto amargo da perda de poder.
A nós, resta sentarmos para assistir a derrota.
***

INAUGURANDO MAQUETE!

***
O Coroné-candidato a presidência da República do Brasil, Zé Serra, num gesto de desespero inauguratório, acaba de fazer o mais ridículo dos papéis.
Desceu a serra de Santos para uma cerimônia de inauguração de uma ... maquete.
Isso mesmo!
Teve até discurso e aplausos, além de correligionários que o apoiavam no ato de tão nobre envergadura. A maquete de uma obra que ainda nem foi licitada, e nem será inaugurada, de verdade, antes de, no mínimo, dois anos.
Clique na imagem abaixo para ir ao sitio do Governo do Estado de São Paulo.



Não dá para saber, com exatidão, qual o pensamento do Coroné-candidato numa solenidade como esta, afinal, não havia nada para inaugurar, a não ser um projeto.
Em seu discurso, proferiu as seguintes frases:

"... a ponte terá um papel paisagístico ... ";

"...trará mais segurança para as pessoas e para os navios ...";

"...vamos quebrar um gargalo que é muito importante ... na baixada santista .."

Vai ver, as pesquisas apontando crescimento da candidata do PT à corrida presidencial estão levando a atos desesperados, como este do Coroné-candidato, que, aparentemente, nem ficou envergonhado com a desfaçatez!

Quem sabe seu próximo evento inaugurativo seja uma cerimônia de troca de papel higiênico de um sanitário público ...

***

8 de mar de 2010

CONVERSA NA FEIRA

***

- Vou votar na Dilma para continuar o que o governo Lula está fazendo. No governo dos tucanos o país quebrou 3 vezes, não cresceu, aumentou os impostos e manteve a desigualdade social intocada. O salário mínimo era de 75 dólares; hoje está perto dos 300. O país cresceu; vai crescer mais este ano, gerou empregos, a desigualdade diminuiu, mais de 20 milhões de pessoas subiram de classe social. O risco Brasil despencou, os juros cairam, os impostos pararam de aumentar, a dívida pública diminuiu, o país tem reservas e mercado interno para resistir às crises internacionais. O Brasil diversificou as parcerias comerciais, tornou-se relevante nas relações internacionais, resolveu o problema da dívida externa, garantiu que a Petrobras não fosse dada de presente - como foram a Vale e a Telebras - e agora está pensando num jeito de levar a banda larga para mais gente, e mais barata, isso para não falar da Copa do Mundo e das Olimpíadas.

- Pois eu vou votar no governador de São Paulo.

- Por quê?

- Acho que a Ministra Dilma não faltam modos rebarbativos e íngreme altaneira tecnocrática.

- Ah bom!

***

O governador de São Paulo, um dia desses, chamou um sujeito que protestava contra seu governo, numa cerimônia pública, de "energúmeno". (Houaiss: indivíduo desprezível, que não merece confiança, boçal, ignorante).

O editorial da Folha de São Paulo de 28/02/2010 afirma que Dilma é uma "ministra virtualmente desconhecida da maioria da população, a que não faltam modos rebarbativos e íngreme altaneira tecnocrática".

A Folha não citou os modos rebarbativos do governador-Coroné Zé Serra, provavelmente, porque ele não é, nunca foi, nem será candidato.

Ah, bom!

***

Texto em itálico retirado do blog de Jorge Furtado

Colaborou A. Hercog.

***

2 de mar de 2010

CONDENADO POR IMPROBIDADE

***
O Ministério Público Federal do Ceará moveu ação por improbidade administrativa contra Byron Costa de Queiroz, ex-presidente do Banco do Nordeste do Brasil - BNB - e outros diretores.
A Justiça Federal decidiu pela condenação de todos. Foi imposta pena de ressarcimento de mais de 7 bilhões de Reais, multa e perda dos direitos politicos, no caso de Byron, por oito anos.
São diversos os crimes cometidos pela "quadrilha" que assaltava o BNB. Tudo entre 1997 e 2000, época do então presidente FHC, o nefasto.
Byron Costa de Queiroz é apadrinhado de Tasso Jereissati, o Coronel do Ceará, dono da afiliada Globo e do Shopping Iguatemi de Fortaleza. Mais que Coronel, é um Imperador.
Engraçado é que, ultimamente, tem mostrado os dentes e cogita, até, ser candidato a vice na chapa puro sangue de outro Coroné, o Zé Serra, diante da desistência de Aécio Neves.
Uma fonte do DEM me disse que ainda tem esperança que Aécio aceite a composição da chapa, caso contrário, os eternos aliados dos tucanos pretendem morder com força o que lhes restou da composição DEM-PSDB.
Do jeito que a coisa anda, talvez não sobre nome nenhum para concorrer com Dilma Rousseff. Existe o risco de vitória por W.O. tamanha a incompetência politica da oposição.
A conferir.

***

A TURMA DA FUMAÇA

***


A falta de rumo da oposição está levando algumas figuras ao delirio.

Falo de FHC, o nefasto. Ao ver-se totalmente renegado por seus próprios parceiros e comparsas de partido, joga-se na cruzada de defesa da TURMA DA FUMAÇA. Dos consumidores de maconha e outras "drogas leves".

Há quem diga que é sua estratégia de tentar aproximação com os mais jovens, os daquela idade em que de tudo se experimenta. Talvez eles não lembrem quem foi FHC, o que fez, o que deixou de fazer e pior, o que deixou que fizessem.

Nada contra a descriminização das "drogas leves". Nada contra quem defende o usuário. Nada contra quem pretende que a sociedade evolua democraticamente.

O que não entendo é um ex-Presidente, nesta altura da vida, depois de ter passado pelo cargo executivo mais importante do país e, portanto, ter tido a oportunidade de discutir o assunto, vir agora com propostas do gênero para agradar a turma da fumaça.

Já se notou que, politicamente, ele acabou. Não é o SANDÁLIAS que diz, são os tucanos que evitam ao máximo estar ao lado de FHC, o nefasto. Pouco restou a quem se considerava Príncipe.

Será busca pelos holofotes?

Que triste fim!

***