22 de dez de 2009

2010: O PLEBISCITO.

***
Nunca na história deste país houve alternância de poderes, a não ser quando Luis Inácio foi eleito Presidente da República.
Desde a Proclamação da República estivemos nas mãos da classe conservadora politico-empresarial, que sempre ditou as normas e regras do Brasil. Claro, em benefício próprio. Até a eleição do operário Lula. À partir de 2003, as coisas mudaram.
O que estamos assistindo é uma sequência de politicas sociais e econômicas que fizeram o país começar a andar para a frente junto com a população; se antes o Brasil crescia, a renda se concentrava sempre nas mesmas mãos. Agora, é diferente. E a sensibilidade do povo brasileiro aprova a gestão politica do PT de Lula.
Esta é a razão do plebiscito do ano que vem. O Partido dos Trabalhadores irá mostrar, sem mágica ou efeitos especiais, as conquistas sociais do Brasil e as comparações com os Presidentes anteriores será inevitável. Principalmente com o governo de FHC, o nefasto, que terá um candidato de seu partido concorrendo à vaga.
A imprensa mais comprometida do planeta e a oposição reclamam; não querem comparações e bradam pelo futuro. Não querem se referir ao passado. Medo? É provável que sim.
Os tucanos mostram insegurança diante das eleições de 2010. Seu candidato, o Coroné Zé Serra, nem mesmo assumiu que é postulante. Pretende se fingir de morto até março, quando as pesquisas de opinião dirão se ele tem alguma chance.
Uma fonte do DEM me disse que a oposição patinou em 2009 por falta de candidato oficial. Agora, diante do único nome disponível, espera se firmar como oposição. Esta mesma fonte, ao ser questionada sobre o posicionamento do DEM diante da candidatura do Coroné Serra, respondeu: "Lembro que o PSDB fora de São Paulo não tem a capilaridade do DEM no Brasil".
A fonte insinuou, ainda, que os escândalos de Panettone Arruda em Brasilia, e de Yeda Crusius no Rio Grande, se anulam, e acredita que só os mais afoitos se estressam com fatos como estes. Isso traduz claramente a aliança DEM+PSDB, recheada dos mesmos vicios. Da mesma forma arcaica de fazer politica. O conservadorismo de ambos é o que os une.
O fato concreto é que o rumo da campanha do PT está traçado e vai na direção do plebiscito, na comparação entre ações deste governo e os anteriores. Tendo a Ministra Dilma Rousseff como nome preferencial. A oposição, aparentemente estressada, ainda não definiu qual rumo seguir. É possivel, até, que outro nome seja apresentado se o Coroné Zé Serra desistir diante da possibilidade de derrota.
Estamos à beira do inicio da campanha. Falta pouco para a população confirmar sua satisfação.
***

Um comentário:

blog do BOCALINI disse...

OLÁ, DE PRIMEIRA MÃO, FELIZ NATAL A VC E A TODOS QUE VEEM SEU BLOG, QUE 2010 SEJE MUITO MELHOR DO QUE ESTE ANO QUE PASSOU TÃO RÁPIDO, ENTRETANTO, FALANDO SE DE PRESIDENCIA , CREIO QUE NÃO HAVERÁ OUTRO PRESIDENTE TÃO CORAJOSO E PACIVO QUANDO O "JOSÉ LUIZ INÁCIO "LULA" DA SILVA".
ADOREI O BLOG, SE ME PERMITE , GOSTARIA DE VISITA-LO NOVAMENTE , COM OUTRAS POSTAGEM PARA QUE EU DÊ COMENTÁRIOS,.... SEI QUE MEUS COMENTÁRIOS SÃO FÚTEIS, MAS SRRS, ...
FELIZ NATAL.
DE SEU AMIGO


ÉTORE