25 de mai de 2010

AÉCIO SÓ PRESTA SE FOR VICE.


***

Esta é a avaliação que seus correligionários fazem, neste momento da campanha.

Interlocutores do mineiro afirmam que Aécio Neves, diante da insistência do grão-tucanato para que aceite a vaga de vice na chapa de Serra, teria reagido, indignado: Se sou tão relevante, seria o presidenciável, não o vice!.

Não deixa de ter razão.

Afinal, tinha colocado seu nome para ser o candidato da direita antes de ser derrotado por Serra.

Sua avaliação é que sua força em Minas Gerais deve ser usada para alavancar seu candidato ao Governo do estado que, hoje, tem apenas 17% das intenções de voto, contra mais de 50% do candidato do PMDB, Hélio Costa, ministro de Lula.

Além do mais, segundo entendimento de alguns, ele é pouco conhecido fora de Minas, colégio eleitoral com pouco mais de 11% dos votos nacionais, e, caso faça crescer em 20% o percentual de Serra em seu estado, não representaria mais que 2 pontos na campanha tucana. Vale lembrar que Lula é muito querido pelos mineiros da capital e do interior.

Aécio ainda é jovem o bastante para poder esperar pelo próximo pleito; Serra, nem tanto, ainda mais se levado em consideração que o próximo Presidente poderá optar por ser candidato a re-eleição. Aécio pode esperar mais 8 anos. Serra, não.

De qualquer modo, a campanha tucana está favorecendo, e muito, a candidata Dilma Rousseff do PT, que cresce nas pesquisas com bastante consistência e pode levar no primeiro turno.
***

Nenhum comentário: